terça-feira, 30 de dezembro de 2008

Preversidade de um conto infantil


Estava a pensar aqui no Capuchinho Vermelho (mas em que raio de coisas é que este pensa?) e, com um pouco de atenção descobri uma coisa esquisita...

Quando o lobo chega a casa da avózinha come-a (outras versões menos violentas sugerem que a prendeu no armário) e veste-se com as suas roupas para enganar o Capuchinho Vermelho.
  1. O lobo nunca comeria a avózinha com as roupas vestidas, porque a roupa sabe muito mal.
  2. Para o lobo se vestir com as roupas da avózinha, tinha de as ter na sua mão antes de a engolir.
  3. O lobo despiu a avózinha antes de a comer!
    (ou então prendeu-a no armário e tirou de lá outro vestido, porque de certeza que a avózinha não usava sempre o mesmo)
Ok, afinal não há nada de preverso no conto.

Sem comentários:

Enviar um comentário